quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

Resultados do WFE Platinum: Chinzo Machida perde em decisão polêmica. E Carioca e Acácio fazem um lutão!

O WFE Platinum, que acorreu no Fiesta Bahia Hotel, Salvador, proporcionou um espetáculo aos fãs do esporte. Foi uma noite de surpresas e também de muitas desistências, devido ao ritmo forte das lutas. Esse é o MMA, um esporte onde podemos ver de tudo! Confira os resultados:


Perceu Friza vence Guilherme Medeiros por desistência 2o/3o Round - Friza, aluno dos irmãos Machida, mostrou uma trocação afiada, com chutes, socos retos e joelhadas na linha de cintura. Medeiros tentava contra-atacar e recorrer a luta de solo, mas Friza sobreviveu bem as investidas. No intervalo do 2o para o 3o round as joelhadas de Friza surtiram efeito nas costelas de Guilherme, que desistiu do combate.

Márcio Gracinha finaliza Paulo Roberto com guilhotina no 1o Round - Paulo foi um dos poucos guerreiros que aceitou subir na arena contra Gracinha e estava visivelmente nervoso. Ele até mostrou ter qualidade técnica, mas sua falta de concentração somada as qualidades de Gracinha o tornaram presa fácil de uma guilhotina.

Rony Jason finaliza Jurandir Sardinha com triângulo no 1o Round - Apesar do striker Sardinha ser o favorito, Rony não se intimidou e acertou um chute na cabeça do adversário! Sardinha sentiu o golpe, Rony partiu pro ataque, conseguiu a montada e puxou o adversário pro triângulo, finalizando o combate.

Ednaldo "Lula" Oliveria vence Gerônimo "Mondragon" por desistência no 1o/2o Round - O gigante Mondragon partiu pra trocação e Ednaldo sentiu os golpes. Então Mondragon colocou o adversário pra baixo para tentar definir com socos por cima. Porém, Ednaldo estava com a guarda afiada e passou a tentar raspagens, trinângulos e arm-lock, cozinhando o gás do gigante. E no fim do round Mondragon executou uma queda mau aplicada, sofreu uma montada e passou a levar duros golpes, sendo salvo pelo gongo. No intervalo do 1o para o 2o round Mondragon ficou desgastado pela constante explosão e desistiu do combate, provavelmente também para se preservar para um outro combate que faria na mesma semana(!!!) Ednaldo, insatisfeito com a vitória, pediu uma nova luta e Mondragon aceitou. E, ainda com fome de luta, pediu também uma oportunidade ao evento de desafiar a fera Edson Conterrâneo.

Leonardo Laiola vence Chinzo Machida por decisão unânime (3o Round) - Os lutadores fizeram um combate muito equilibrado. Chinzo foi mais agressivo, caçou o adversário na maior parte dos rounds, acertou uma boa variedade de golpes e também aplicou quedas. Já Laiola caminhou muito para traz e ainda chamava o rival para a luta (!?), mas consegiu um knockdown num soco de contra-ataque e teve bom desempenho no solo, o que parece ter impressionado os jurados, que julgaram o lutador em questão como campeão.

Jorge Rodrigues vence Erick "Parrudo" Barbosa por desistência no 2o/30 Round - Parrudo começou bem o combate aplicando boas sequencias de socos, mas Jorge Rodrigues assimilou bem os golpes, recorreu ao clinche nas horas certas e soube trabalhar o contra-ataque quando o adversário cançou. E no intervalo do 1o para o 2o round, Parrudo teve que abandonar o combate por interrupção médica.

Bruno "Carioca" Santos vence Daniel Acácio por decisão unânime (5o Round) - Uma das qualidades de Acácio é a resistência a golpes, mas Carioca estava com as mãos bem calibradas e balançou o adversário com um cruzado de esquerda no 1o round. E no 2o round foi Acácio quem balançou Carioca, empatando a batalha. Nos 03 rounds seguintes Carioca lutou de maneira inteligente, dosando bem o gás, investindo nos contra-ataques e recorrendo as quedas para bater por cima. E ao final dos 5 rounds, Carioca venceu por decisão unânime e manteve o cinturão até 84kg do evento - num belo exemplo de profissionalismo, os lutadores sempre se parabenizavam ao final dos rounds pelo desempenho. E Acácio, muito gentilmente, reconheceu a vitória do talentoso Carioca no final do combate.

...
Redação WVT.
Transmissão do Combate.

Nenhum comentário: