segunda-feira, 20 de junho de 2011

New Fight Combat - Resultado: evento termina mal e causa revolta!

Segundo os blogs amazonenses Jungle Combat e Manaus Fight, e o site jornalístico A Crítica, o que era pra ser um dos melhores eventos do país, com um card de nível internacional, acabou de maneira vergonhosa! Além da presença do público, atletas do UFC também estiveram presentes, e o dano a imagem do MMA nacional só não foi maior porque o canal Combate não transmitiu o evento Ao Vivo, apenas foram cobrir para retransmitir em outra data.

A confusão começou quando os lutadores exigiram a garantia do merecido pagamento por parte da HJB Produções, de Humberto Barbosa (professor de jiu-jitsu) em parceria com Luis Rocha (Presidente da Confederação Amazonense de Boxe). Porém, não havia bolsas para os atletas! Com isso, o início atrasou por mais de 2 horas, aconteceram apenas 2 lutas preliminares e, finalmente, o evento foi cancelado. Humberto teve que dar explicações a Polícia e lamentou o fato de alguns de seus apoiadores terem abandonado o projeto, o que causou a ocorrência.

O mérito da noite foi d0 público, que manifestou sua revoltada sem violência, levando embora as cadeiras alugadas do ginásio. Assim, com essa lição de protesto inteligente, deram prejuízo ao evento e faturaram as cadeiras para compensar o transtorno e o ingresso perdido.


FOTOS DA PESAGEM E DA CONFUSÃO:

(Ivan Batman, apoiado pela Fundação Municipal de Esportes de Florianópolis e pela Casa das Películas, enfrentaria Ronnys Torres, ex-atleta do UFC - foto de Jungle Combat)

(Gerônimo "Mondragon" pronto para a revanche contra Direli "Mão de Pedra")

(Humberto, com a camisa do evento, Johil, Dirlei e Márcio Curi tentando, em vão, achar uma solução para o pagamento dos atletas - foto de Jungle Combat)


(O público levando embora as cadeiras da Arena Amadeu Teixeira, na Alvorada - foto do site A Crítica.uol.com.br)


...
Referências: A Crítica, Jungle Combat e Manaus Fight.

Nenhum comentário: